O Arquipélago de Anavilhanas, também conhecido como Parque Nacional de Anavilhanas, situa-se no estado do Amazonas, entre os municípios de Manaus (30%) e Novo Airão (70%). No total, o arquipélago é formado por 400 ilhas e fica próximo ao Rio Negro e ao Parque Nacional do Jaú. Foi criado com o intuito de preservar o arquipélago fluvial de Anavilhanase para pesquisas científicas realizadas pelo Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade, instituição administradora atual do espaço.

Rio Negro Arquipélago de Anavilhanas - Amazonas

Composição do arquipélago

A Unidade de Conservação apresenta formações diversas, tais como: Floresta densa com cobertura uniforme, floresta ombrófila densa, terra firme, vegetação caatinga-gapó e chavascal, bem como ecossistemas fluviais e lacustres.

Arquipélago de Anavilhanas - Amazonas

Por conta de sua proximidade com Manaus, o turismo no local é intenso. Ainda assim, as visitas livres são restritas apenas a algumas áreas do arquipélago. Visitas mais específicas são permitidas somente como caráter educativo, ou seja, para alunos e escolas.

Como visitar

O acesso ao local é gratuito durante o ano todo e pode ser de carro ou de barco a partir de Manaus. De carro, o trajeto leva em torno de 2h30 e, de barco, nove horas. Há ainda lanchas que se encarregam de realizar o transporte, que levam cerca de três horas para fazer o percurso. O parque possui uma hidrovia com mais de 60 comunidades em seu entorno.

Boto vermelho Parque Nacional de Anavilhanas

Parque Nacional de Anavilhanas

Seus principais atrativos são suas praias (durante a seca, entre setembro e fevereiro), as trilhas aquáticas de igapó (passeios de barco por dentro das florestas alagadas, de março a agosto), as ilhas (vistas de cima formam uma bela paisagem), as ilhas terrestres (ainda não disponíveis para visitação), o Flutuante dos Botos, a rica flora e fauna amazônicas, passeios de barco em um dos maiores arquipélagos do mundo, trilhas terrestres, mergulho e/ou natação no Rio Negro, comunidades tradicionais ribeirinhas, o belo artesanato de Novo Airão, entre outras peculiaridades.

Não deixe de conhecer essa maravilha amazonense!