Antes de saber os roteiros, e como viajar para a França, é importante se ter alguns cuidados, e muitas vezes estes não são pensados, por isso iremos divulgar algumas particularidades desta que é uma das regiões mais queridas dos turistas do mundo.

Dicas para viajar para a françaAntes de mais nada, quanto de dinheiro é preciso levar para uma viagem pela França?

A resposta não é muito simples, depende bastante.

É difícil saber quantos euros devemos gastar diariamente. E isto depende bastante do estilo de viagem, e ainda do “pão durismo” de cada pessoa. Se levar em conta ainda a hospedagem, tudo depende do tipo de turista que você é, se você economizar muito, certamente com 30 euros você consegue passar um dia, agora se você quiser mais conforto, deverá achar que 150 euros não é o suficiente.

Para se ter uma idéia, a seguir daremos algumas dicas de médias de valores. Nas cidades grandes, tudo é um pouco mais caro, agora cidades do interior é muito barato. Confira alguns preços médios praticados na França:

  • Uma passagem de metrô/ônibus no centro: 1,20€
  • Uma  corrida de táxi do aeroporto Charles de Gaulle pra Paris: 65€
  • Uma refeição de fast-food/sanduíche: 8€
  • Um almoço num bistrô/brasserie: 15€
  • Um almoço num restaurante bonzinho: 30€
  • Um almoço num restaurante bom e chique: a partir de 60€!

Tudo é muito relativo, depende da localização, por isso procure ter cuidado por onde ir curtir a sua viagem.

O jeito mais barato de telefonar da França para o Brasil

O funcionamento é bastante simples, você liga para uma central telefônica automática e paga uma tarifação de ligação local, onde eles transferem o seu chamado para o número solicitado no Brasil.

Se você, por exemplo, ficou no hotel com saudades de sua mãe à noite, em vez de pagar uma tarifa caríssima para uma ligação para o exterior, irá pagar ao hotel simplesmente um preço de ligação local se ligar para fixo, ou pouco mais de 0,15 euros para celulares por minuto.

É possível ainda realizar ligações através de um sistema de telefonia francês, que o tempo de comunicação é descontado dos seus créditos.